sábado, 26 de julho de 2008

Medo, Amigo

Todos temos medos. É até meio clichê dizer isso, mas é a verdade. Nem a pessoa mais valente do mundo é totalmente inatingível. Eu, como todo fracote, tenho meus medos também.

Vários medos; mas muitos deles são "não-declarados": medos que eu nem tenho certeza ou nem sei se tenho. Alguns medos mais explícitos, como de altura por exemplo.

Mas eu descobri que eu tenho um medo diferente, que talvez não seja tão comum.

Medo de fazer amigos.

Não que eu seja anti-social e tenha dificuldades pra me relacionar (erm... isso em termos...) mas é relativo, eu consigo me misturar facilmente na maioria das situações.

Mas não é esse o problema. É tipo um pessimismo.

O medo não é a amizade em si, o amigo em si, a relação em si.

É o fim.

Meu medo é o de criar um laço forte, uma amizade profunda, de me tornar importante para a pessoa e dela se tornar importante pra mim; porque um dia isso pode acabar.

Um pode sumir da vida do outro, deixando um vazio.
Esse é o meu maior medo: medo de causar esse vazio.
Por isso muitas vezes eu fico receoso em fazer novos amigos.
Por que algum dia, talvez sigamos caminhos diferentes.

E o maior fundo desse medo é o de realmente ter passado pela experiência.

Por isso vou mandar minha lembrança a alguns amigos que eu não vejo a tempos:
Rick, Igor, Leo, KIQ, Yve, Lukas, Andres, Danilo, Roks, Beiço, e tantos outros que passaram pela minha história e graças a mim não fazem mais parte dela (ou fazem raramente).

Talvez algum dia nos reencontramos de novo, e provaremos pra mim o quanto eu estou errado em ser tão pessimista.

5 comentários:

Bruno/K-2 disse...

>.<

Vamos deixar esse lance dos posts pra trás, right bestbuddy?

JuJu-Chan :D disse...

que nobre, quejin-chan n.n
vc já perdeu alguém?
espero que não :D

Marcelo »QeJiNhO disse...

K-2: Já deixei =D

Juju: Pô vc leu ateh o fim? XDDD
N perdi a amizade, ams perdi o contato com grandes amigos e sinto q a culpa eh só minha ._.

Anônimo disse...

Qejinho,as pessoas passam pela nossa vida,para uma troca e aprendizado. Cumprido isso, temos que caminhar,e novos aprendizados virão. Portanto ,écurtir bem cada momento com as pessoas, Depois teremos boas lembranças como compania.E pior do que recordar ,é não ter o que recordar.

Anônimo disse...

Eu sou Eu
Você é Você.
Eu não nasci para fazer o que voce espera de mim.
E você não nasceu para fazer o que eu espero de você.
As vezes a gente se encontra ,e isso é muito bom!Mas as vezes a gente se desencontra,e o que sehá de fazer??????????????