segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Quick Lineart

Aê, começando um tutorial de "Quick Lineart" 8D

Pra começar, o que é lineart?
Bom, lineart (arte de linha) consiste basicamente em fazer linhas sobre outro desenho.
Normalmente, você pega um desenho seu mesmo, escaneia e atraves de algum programa grafico refaz os traços com uma camada (layer) por cima.
Outras vezes, pode-se usar um desenho já pronto de outro artista para ter uma base e/ou pra modificar o próprio.

Eu costumava fazer o primeiro processo (e ainda faço às vezes) mas depois que "descobri" esse método, passei a uá-lo muito mais 8D mesmo porque deixa o meu desenho mais fiel ao meu traço e é bem mais fácil do que refazer tudo com o pincel do computador.

Também é uma técnica boa pra quem carece de Tablet (Y)

bom, pra começar, você vai precisar das seguintes tralhas:

TRALHAS FÍSICAS
-Papel
-Lápis e borracha, o que você costuma usar pra desenhar
-Caneta nanquim ou hidrográfica de ponta fina mas não muito fina (o ideal é 0,5, mas você pde conseguir bons resultados com até 2.0)
-Um Scanner

TRALHAS MACIAS (leia-se softwares)
-Ms Paint (SIM, O PAINT MESMO E NÃO TEM SUBSTITUTO)
-Qualquer outro programa gráfico que tenha a função "suavizar" (ou soften)
-Se você tiver, o programa do scanner (se não tiver o programa da linha de cima resolve)

COMOFAS?

Antes de tudo, faça o seu desenho à lápis no papel.


Quando estiver satisfeito com seu desenho, passe a caneta nanquim/hidrográfica.
Tome cuidado nessa hora porque caneta não apaga (duh), mas também aproveite pra adicionar uns detalhes tipo amassados na roupa ou detalhes do jeans (que eu fiz bem de qualquer jeito porque a cabeça tava quente pro tutorial porém fria pro desenho). Se você passar por fora da linha a lápis, espere a caneta secar e apague o lápis. Ué.
Mais uma coisa: não recomendo preencher de preto - isso vai dar dor-de-cabeça mais pra frente. Deixe tudo 'transparente' (sem preencher)



Então, escaneie seu desenho recém-canetado com seu scanner (jura?)
Se preferir, salve seu desenho do jeito que está. Caso não queira, deixe o programa aberto com o desenho ali.


Agora, abra seu MS Paint. Clique na guia "Salvar como" (mesmo sem ter feito nada) e salve seu arquivo como tipo "monocromático" - isso significa que ele vai passar a ler só preto e branco. Não, cinza também não, tudo que passar aqui vai ser absolutamente preto e branco. O nome que você der a ele é irrelevante, mas eu vou chamar de "monocromatico" (motivos óbvios)
Vai aparecer uma janelinha dizendo que "você pode perder informações de cores". Clique em ok e perca O jogo



Agora, retorne ao seu desenho aberto-escaneado-recém-canetado. Copie ele (pelo programa gráfico, ou seja Arquivo > Copiar, não copie o ícone do arquivo na pasta se não você vai ser chamado de n00b)...



...e cole a imagem no arquivo monocromático.


Percebe agora?
No arquivo monocromático, toda informação de cor que não seja preta é apagada - a não ser que possa ser TRANSFORMADA em preta (qualquer cor muito escura vai virar um borrão das trevas - mas se você preenchesse de caneta o desenho ia ficar cheio de furinhos)

Caso o desenho tivesse ficado com traços MUITO FINOS, você poderia resolver diminuindo o brilho e o contraste dele levemente - para isso, o programa de scanner ou o "Outro Programa Gráfico Além do Paint" resolveria. :D

Enfim, remova a seleção do desenho, copie ele novamente (é importante copiar novamente ou o passo anterior terá sido inútil) e cole em outra sessão do MS Paint - uma NÃO monocromática.



Agora, seu desenho esta quase pronto :D Pinte ele com baldes de tinta e amor, mas com cuidado, porque é comum aparecer uns "furos" no desenho. Nesse caso, tampe com lápis ou pincel do paint (use numa finura ou grossidade parecida com a da caneta original)

Se quiser, adicione uns detalhes pelo paint também, como enfeite no cinto ou detalhes do ziper (o que eu não vou fazer porque estou com preguiça, mas a idéia ainda vale)

Outra dica: para pintar, NÃO USE A COR PRETA - se algo der errado ela ferra tudo.
Use um CINZA MUITO ESCURO QUASE PRETO ou um PRETO NEM TÃO PRETO QUASE CINZA MUITO ESCURO mas nunca use totalmente o preto - Deixe a cor preta exclusivamente para o contorno.


E use MUITO control+Z. Sempre que pegar um furo ou um erro.

Aqui está o meu desenhinho após tapar os buracos e colorir:


Eeee (nem sei que parece alguma coisa entre Mello e Matt do Death Note mas anyway)

Cabou? AINDA NÃO! \o/

Bom, assim que seu desenho estiver devidamente colorido, salve-o. A essa altura você pode fechar o Monocromático também, mas deixe-o salvo e não o apague: ele será útil para futuros usos. Só lembre-se de limpar ele (apagar tudo) antes de fechar, para estar em branco pra próxima vez.

Agora que seu desenho tá pronto, cole ou importe ele pro seu "Programa Gráfico Que Não É O Paint Mas Possui Uma Função De Suavizar Ou Soften".
Você pode usar PhotoShop, PhotoPhiltre ou qualquer coisa. Eu uso Serif PhotoPlus, que é horrível e eu não recomendo, mas é o único que eu sei usar além do paint (e eu domino bem alguns recursos dele, mas é bem fraquinho devo dizer)


Tendo o seu desenho no tal programa gráfico, use um Soften/Suavizar e tcharans!
Seu desenho fica, OMG! SUAVIZADO!

Com isso, o programa remove irregularidades e sujeirinhas e o escambau que o monocromático não resolveu.

Algumas vezes, pode ser necessário o uso de mais de uma suavização. Ou apenas experimente para ver como fica, se você não gostar... control+Z.

Após suavizar, exporte o seu desenho (ou cole o resultado no paint então salve) e comtemple o resultado.


É... essa técnica é bem útil e fácil de utilizar. E bem menos trabalhosa do que refazer o desenho todo no coputador :D

Bem, assm que você for pegando o jeito da técnica e dominar seus programas gráficos seja lá quais forem, vá adicionando planos de fundo e efeitos no seu desenho.

Uma dica legal é, em vez de suavizar, colar numa camada por cima, semitransparente, o desenho original à caneta, o que vai retornar os "efeitos" que você planejou com a caneta ou lápis ao desenho.

Bom, espero ter ajudado alguém ou algo do tipo, porque eu realmente acho que deixei o tutorial um pouco confuso. :D

Perguntas e tals comentário que eu respondo, mas se você não sabe abrir o paint você é um n00b sem remédio.


sábado, 26 de dezembro de 2009

Chocotone

Chocotones são uma das coisas que mais me enervam no fim de ano.

Por que? Chocotones são tão gostosos. É, são sim.

Mas são uns malditos usurpadores.

Tipo, imagina.

Em algum período indeterminado do passado por algum motivo controverso chegou um cara e inventou um pão doce com frutas cristalizadas que ele resolveu chamar de PANETONE.
Daí por algum outro motivo, virou um dos muitos símbolos do Natal.

Ok, daí a um tempo, chegou outro cara e falou "eu não gosto de frutas cristalizadas, vou colocar chocolate no lugar porque é mais gostoso"

É, ele colocou e deu certo.

A receita fez o maior sucesso. Ele acabara de inventar o CHOCOTONE ou Panetone de chocolate.

E aí?

O chocotone agrada mais ao paladar da maioria das pessoas que o panetone original.

O chocotone, que não passa de uma cópia alterada do panetone, faz muito mais sucesso que o original, e impede as pessoas de apreciaem corretamente o panetone original, já que "chocolate é muito melhor do que frutinhas".

aí eu fico nervoso ¬¬ e ainda reclamem quando eu ofereço panetone e não é de chocolate...


quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

DeviantArt

Bom, pra começar, o que é DeviantArt?

DeviantArt é uma espécie de site de relacionamento destinada à arte. Basicamente, você cria sua conta e manda seu trabalho. Desenhos, fotos, ou mesmo textos são aceitos lá. E tem várias funções interessantes, como um bloco onde você adiciona as suas artes favoritas, um bloco onde você escreve um diário, etc e tal.

Eu tenho uma conta no DeviantArt e alguns amigos meus também, se você não viu o banner verde do seu lado direito escrito DEVIANTART, eu te convido a visitar.

Enfim, o ponto do post.

Eu ultimamente tenho entrado no DA com a mesma frequência que entro no Orkut. Na verdade, eu até abro a aba (ou guia) do DA ANTES da do Orkut. Isso porque o DA é um site de relacionamento baseado em ARTE. Você vai lá pra expor a sua arte e apreciar a ds outros.
E, eu digo, Arte é quase sinônimo de cultura (quase, sim, as exceções formaram uma nova regra) - mas de cultura o DA está CHEIO.

Sim.

Cultura.

No DA você não só adiciona amiguinhos e responde suas mensagens, você navega em busca de arte dos outros, e coisa e tal.

Diferente de orkut, Myspace, Twitter e todos esses sites que só servem pra enferrujar a cabeça dos jovens de hoje em dia (me chamem de moralista, mas só estou dizendo a vrdade) que ficam na internet o dia inteiro, acessando esses site enquanto fazem absolutamente nada, só pra dizerem que lá estão, tendo vidas vazias com seus pensamentos individuais.

Daí, logo eu pensei:
Poxa, vou divulgar o DeviantArt pra essas pessoas, assim quem sabe elas adquirem um pouco mais de cultura?

Então eu refleti:
Ooooou o DA recebe uma invasão de fotos de espelho e risadas OSKAPOSKAPOSKA.

Melhor deixar quieto.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Comto Noruëgeis

Segimte jent ese e´1m comto de un pais **8*MUUUUINTO*8** distamte shanado NORUËAG
Euli no liovr na caas da Iuqil rs entoa resolvi comtar tuod en tiops -s

e´ o segimte a istoria comeaç falanu de um rei e 1a rainia q erao cazados *UAAAAW*8 enfin e els eram muintos tristes porqe noä tinia nem1 filinio nen 1a filia *shoralagoas* entoa els eran muinto tristes msmo dai qe 1m dia o rei taav la oliando toood sel reino e dise asin:
"Noa noa tenio pqe fica felis con tuod iso se eu noa tnho nen um filinio paar erdar mel troon *sniifsnif8 shiray"

dai q shegou 1a mindinga q pediu ismola paar o rei q deu 1 ismola paar a mindinga q perguntol porqe o rei estaav shorando desespeor
"
Porqe o rei esta shorando desespeor??"
I o rei dise q a valia mindinga no~a ia juda ele pqe eal noa tinia coom entöa n precisaav nen sabe o poblema rs entöa a velia dise sen o rei faal naad:
"Poiz el diog q vossë vai te noa 1a nem 2as mas 3is meninës q seraö suas princesinias rs *espertinia* mas vossë noa deev deishar eals sair do casteol numka ***NUMKA*8* ate´a mais novinia ter 15 aons ok"
Entoa o sabio rei responeu;
-ok

E pasarum um ano *1* ate´q a rainia teve uma meninë q ear a 1eira princeas do casteol rs e no oltro ano olta menininia e no oltro otra e tiop *8**VIVA A MARIA Q***

Entöa teev un dia muintos anos dpois (quando a utima meninë tinia CUASE qinze aninios) q fes un dia muinto limdo e as broboleats sacolejaavm e os coelios camtavan e o sol briliava e as menië faalaram 'vamo sai do casteol e brincar no sol rs' mas ai o guarda do casteol gritou q NOA!1! NOA POED SAIR DO CASTEOL PQ O REI MANDO ok

Entoa a meninë espertinia falo p guarda acin 'se noä poed sai pq o pai e a main sairu//?
e o guarda dise q 'noa noa poed sai e promto pq o rei mando'
e a meninë 'a mas ta un dia ençolaraod rs deisha a gnte sai so´´ 1m minutinio'
e o guarda '-ok mas so un minutinio'

Entoa entoa as meninës sairu e brincaru no maot, e na realv, e con as froles e con os coelinios e con as broboleats e con os javalis pqe eals numca tinia saiod de caas amtes entoa dai uma das meninë vil 1a roas q era tipasin *8*MUINTO LIMDA** e ear do tamanio de 1a boal de basket e as meninës foru pega a roza e asim loog q eals pegaru a rosa veio 1a tenpestaed de neev e levo eals embora !!1!!!111!!!!um!1!!

Entoa tood o reion ficol tipasim "oh noä sumiru as meninë filias do rei e agora comofas/" e entoa o rei falol q





opa min discupem a pausa el esqeci rs
o rei falol q qem encomtrase as filinias del ia pode sin casa con 1a delas e ganiaria metaed do reino *8**TA RICO*8**

entoa veio muinto caars qerenu pegar as princesinias rs e falavan pro rei q ian procurar eals ai o rei daav dineiro para eels cegiren a viaje
mas nngen voltaav de volta, e noa TINIA 1 Q VOLTAAV nem q pagaav o dineiro dai o rei ficol sen dineiro nen1 e as princesinias morreru promto cabô.


MICHIRA1!!11!!!!!!!

entoa un meninë q era un soldadinio do reion soniou q ashava as princesinias e casava con 1a delas e rs falo pra main dele e a main deel dise q **SONIOS SÓ SE TORNAM REAIS SE SA~O REPETIOD TRES NOETS SEGUIADS REFLITÄO*8

Mas dai o meninë teev o sonio repetiod 3es noets seguiads rs e foi la fala con o rei

E o rei dise q "noa noa tenio mais dineiro nen1 paar tin dar meninë vossë noa vai salvar minias filias ok"
e o soldadinio dise q "noa noa elvol salvar elas ok no~a precizo de dineiro só precios e um porco e de un lombo de vaca rs"
e o rei pergumtol "pra q pra come/"
o soldadinio "noä paar plamtar jirasois sel retardaod"
o rei ficol nervoos e "QQ VOSSË DISE MOLEQ//?"
"Nõa noa stol de brimks JEJEJEEJEJEJE min da a comiad q el minviro
'-ok"

Entöa o rei del un lombo de vaac e metaed de un porco pro soldadinio qe enfiol tuod n1a moshila [comofas//] e sail pra casar princesinias

entoa o o soldadinio estaav andanu e viu o tenemte e o capitöa do ezerciot sendo atacaods por 1 urso *8**8TEEEEEMSO*8** dai eel sin lembrol q ursos gostan de carne de vaca comofas e jogou um bife paar o bisho q comel tudinio e foi emboar e rs

o tenemte e o capitoa disero q estavam em busca das princesinias e o soldadinio dise paar eles se jumtaren e formaren 1m gruop de errepeje rs e dai eels falaru "noa pq noa pq vosse e´muinto fraoc e noa poderia ajuda a jemte" e o soldadinio disse "tenio bisteca rs" entao eels mudaro de ideia e foram os tres e

os capitoa e o tenemte diseru q tinian q seguir peal estraad. Mas o meninë dise 'tood mundo q foi peal strada n voltol bandigay vaoms ir pelo maot"

foi ai q aparesseu un LEÖA ENoOREM q nem um leöa e o tenemte dise "AIMELDELZMOHEMO" mas o soldadinio falol "leoins gostam de porco jeje" e tacol 1a bisteca pro leöa e eo leoa comel e foi imbora -s

Dai os homi resolveru q devia acanpar **acanpar acanpar*8 e montaru 1a cabaan ol augo do tiop porqe esa part eu nenli direiot rs
E eles comeru o resot do poorc q o meninë tinia levaod mas ai o poorc acabol e eno oltro dia eles resolveru sai paar cassar coelinios e conbinaru q o tenemte ia fica na ca bana paar corta lenia i aruma td e et setera

Entoa entoa encuanto o tenemte tava sozinio na cabaan veio un velinio muito velinio con 1a barba dese tamanio *MUINTO GRNDE* e pedil 1a smola e rs [so´ten mindingo nese reino -s} e tinia muleats pq ele mancaav tadinio e o tentem te del 1a moead e o mindingo q mais paressia un duende rs derubol no sh~oa

entöa o tenemte foi pega a moedinia e o duente enshel ele de pohada con as muleats ate´q ele vil muintas estreals rs dai eel saiu correnu q nen 1a gasela

entoa entoa shegaram os capitöa e o soldadinio con os coelios e viru o tentemte tood strupiado JEJEEJEJEJEJEJEJEJEJ entoa perguntaru oq acontesseu e eel dise e tomol bronka do capito~a e dai o capit~oa dise q no dia seguïmte eel q ia fica na cabaan e o tenemte ia con o soldadinio casar coelio

e no oltro dia o tenemte e o soldadinio foru casa coelio e o capitoa ficol na cabaan e veio o msmo mindingo olia so´. E o mindingo mepil a moeda, deishou eal cair e tau e tal e ensheu o capitöa de porada rs con as muleats e ai shegaran os oltros e eel dise q ear verdaed

e o soldadinio dise "amania el fioc no campingui e vo6 vôa casar coelio ok el dol 1 jeiot no mindingo duende ou seila rs'

e no dia següimte, qdo o mindingo veio e pedil 1a moead o meninë dise "dineiro el nöa enio numka tive o dineiro NE´´ RSRSRSRSRS ms ce vossë qizer poed fica pro almosso so´tenq min ajudar"
o mindingo baha duende respondel perguntanu 'ajuda no q /?//'
'corta lenia' dise o moleq 'vemq el tin sino'

entoa o soldadinio levol o mindingo e falo 'olia vosse seruga a tora asin e DESE O MASHADO NEAL E promto ta cortaod rs entendeu comofas/"
o mindingo dise q noa e pedil pra faser de noov
o garotinio q ear muito espertinio fez de noov soq desa ves ele pegol e aplicol 1a maonbra de giugitiso no mindingo q FICOL INMOBILIZAOD PEAL BARBA RS e o meninë comessol a bate neel con o caob do mashado *pohada!1!*8

"n~oa nöa paer de min bater q el noa qero more"
"entoa min faal ondista~o as princesinias!11"
"vosse saeb q el sei 100 el faal nad comofas/"
'nomfas rs'

ento~a o duende?mindingo dise q eel tinia q ir paar a dereita e paar a esqerda e iso e aqilo e tira un arbusto e enpurar 1a lage de pedra mas eel teira qinfrentar o foog e a agua e un poso muinto profumdo e o meninë batel nele rs e foi enboar [q malvaod)

foi ai qe os oltros 2s shegaru e viro o meninë VIVINIO DA SIUVA e perguntaru pra eel comofas e el dise q naad q un pooc de pohada n resolva RSRSRSRSRS enfin

ai o meninë dise o q o mindingo dise e eels pegaru un mont~oa de cord a e foru fazenu o caminio q o mindingo dise
e foru pra la e pra ca e iso e aqilo ate´´ q shegaru no ABRUSTO
e tiraru o arbusot
e enpuraru a laje de preda mas era tipasin MUINTO PESAAD e
viro q tinia un poso
un poso muinto fundo muinto msmo

e eels amarraru TOADs as corda paar ve ce shegava no fumdo
nöa shegaav FFFUUUU
entao amarrau 1s cipos tb e tuod q daav ate' q consiguiru
e o capitöa falol "elvol na fremte, siel pushar a corda vcs min pushan de vouta'
e o capito~a foi desenu desenu desenu ate´q shegol MUINT AGUA ATE NAS ORELIA DEEL E OMG SOCORO e pusharu eel de volta /fraoc

entöa foi a veis do tenemte q foi inu e inu paso pela agua tanpanu a respirasoa mas depios diso tinia MUITO FOOG [comofas//) e ele noä guento e voltol paar sima

depios deel foi o soldadinio meninë q logioc qe e´o eroi rs e eel paso peal agoa e peol fogo *EROI* e shegou en OLTRO MUMDO

No oltro mumdo tuod era ben boniot e tinia un sol doraod e maot e coelinio e iso tuod de logares boniots e o soldadinio olvil 1a vos vinu de 1a casinia ali
e era 1a princasinia VIAV!11! e era a mais velia e eal staav tecenu fios de cobre ali e eal dise "vos^e veio min salvar meninë//" e el dise
-s
Entoa eal dise q "mais mais ten un trol gigamte aqi q min raptol *shoralagoas* e eel e´malvaod e ten 3 cabessas se qizer min salvar VOSSËTEMQMATAR'
"comofas/'
'asin olia vossë siscomde na caisha de tomate rs q elvol faser eel dormi e ai vosse maat el ok?/'
-ok

Entôa o meninë siscomdel nos tomaet e veio o trago e ele tinia n~oa 1a noa 2as mas TRËS CABESSAS MELDELDOSEL e eel dise
"cinto sheiro de crist~oa na minia caas vol come eel"
e a princesinia dise "MENINË INMAGIAN RS Q PASO UN COORV AQI E OLIA Q DANADINIO EEL TNIA UN CRISTÖA NO BIOC E ELI CAIL RS **CAIL** MAS EL LINPEI TUOD SO´QE FICOL UN POOC DE SHEIRO e
"oqei oqei min fasa un carinio paar el mimir rs'
e ai qdo el dormil o menine viu q ele tinia q mata e NOSA MAS A ESPAAD DO TROW ERA MUINTO PESAAD entoa eli ashol 1a possäo na meas q ele bebel e ficol forte /biotonicofontoura rs
eel pegol a espaad E ARANCOL AS TRES CABESA CON 1 GOUPE SO´!!1

*88VIAV !1! FESAT FSTA !!** aogra vau salva suas irmazinias ok"
-ok

e foru por aqi e por ali ate´q asharu a irmazinia do meil
eal taav tesendo fios de praat e o meninë vil eal
ela dise "menine o meu trow ten SEIS CABESAS OK vosse temq matar"
eel dise 'ok el tomo a possöa de força e fico forte rs"
vai siscomde na casha de tomaet'

e ai apaercel o trol de ceis cabessas vishi e eel dise "blabalabla ten un crist ~oa qi' e a menine 'noa ten noa foi un corvu q trose 1a bunmda de cristoa n bioc rsrs' e toad aqela paliassäda de fazer eel dormi dai o soldadinio tomol a possoa e levanto a espaad como se fosse 1A FRIJIDERA DE FASE PANQEAC e mato o trol e ai

ben, nesa ora a Iuqil terminol de fasë a shapinia rs entöa a jemt ia in boar e euli o finalzinio do liovr
mais cuauqer in diota saeb q depoiz diso o meninë foi paar oltro castelinio, salvol a filia mais noav [a utima q sobro} q teaav fios de oro, siscondenu nos tomaet e o trou tinia noev cabessas [logiac de tabuaad rs] entao ese e' o rezumo

e no finalzinio, eel levol as princesinias de vouta paar o reino /noäceicoom** e sin casol con a mais noav
e ganiou muintas moedinia a coroua e metaed do reino **TA RICO*8*

dai no finalzinio od liovr esta iscriot q eels comemoraru muinto e deven ta comemoru ate´´´os dias de oje rs

FIN

E SO´

CABOL


Introdução ao Próximo Post [?]

Bom, esse post vai ser inutilmente utilizado apenas para dar uma introdução ao próximo post, como você já deve ter descoberto por osmose do título.

E por que eu não introduzo o post e escrevo de uma vez só?
Dois motivos: o primeiro é que o próximo post deve ser deveras longo, então eu preferi separar a introdução. O outro motivo é que agora era a vez de digitar em um tom de amarelo e essa é a pior cor para texto longos. (Que, vai me dizer que você nunca percebeu que eu escrevo numa sequência lógica de cores?)

ANYWAY, o próximo post vai ser um conto. Por isso vai ser claramente mais longo do que muitos posts que eu já escrevi.

O segundo é que vai ser em tiopês. Ou uma tentativa de tiopês.
Pra quem não sabe, tiopês é meio que um modo de escrever, popularizado na internet. Ele consiste em escrever coisas com muitos erros propositais de modo que fique engraçado. Fora que tem suas próprias regras e usos. Eu ainda não sou um mestre mas eu tento - o fato é que "FALAR" tiopês é muito mais fácil do que escrever.

O fato é que, ao meu ver, o tiopês é uma língua boba. Logo, quando você usa ela, você tem que usar um "sotaque" bobo. Algo meio infantil ou do tipo.

Em instância [?] você não deve ler tiopês desse jeito:


Mas sim:



É, basicamente é isso '-' qualquer coisa futura eu posto no post seguinte.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Miso Lámen

Bom, eu outro dia passei pela quitanda e vi a sopa missoshiru sabor legumes. Então, ao constarque ela nao tinha peixe (Y) resolvi comprar pra experimentar.

E bem, fiz uma receita legalzinha de Lámen Miso :D
Não é a receita tradicional e verdadeira, tampouco sou o primeiro a fazer essa experiência, mas enfim, aqui vai o procedimento.

Você vai precisar de um desse:



E um desse ♥:



Primeiro, cozinhe seu miojo da maneira que preferir. Pra esse caso eu recomendo preparar na panela, mas você pode usar o microondas. O tempero é opcional, eu não usei pra aproveitar mais o gosto da sopa (Y)

Segundo, coloque a sopa miso num daqueles copinhos com marcações de quantidade.



Terceiro, quando o miojo estiver pronto, coloque um pouco da própria água do miojo no copinho até a marcação dos 200 ml (não faz mal se cair um pouco de miojo). Então, mexa bem até dissolver o pó da sopa e, tcharans! Você tem uma sopa miso!



Agora, escorra o restante da água do miojo (pode descartá-la) e escorra a sua sopa miso no miojo!



Tcharans! Você tem um lámen miso! :D



Agora, vai estar bem quente. Se tiver com pressa taque uma ou duas pedras de gelo (eu falo sério)



E depois, pode servir (Y) o ideal é servir em tigelinhas com uma colher e pauzinhos, mas caso você more sozinho ou algo do tipo mande se ferrar e coma na panela mesmo.

Por outro lado, se você quiser seguir fiel à tradição, prove a sopa antes do macarrão.

Por que? Porque sim, é a tradição, droga.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Stand Up Comedy FAIL

A gente no condomínio do K-2 brincando de Stand Up ou "discípulos de improváveis" :D

Beste, é verdade, mas é o que a gente faz quando tá junto.

Reparem que nossos cabelos estão menores porque esse vídeo já tem algum tempo de gravação (meses)

OBS: São dois vídeos, cada um é uma coisa. Provavelmente os dois não rodam ao mesmo tempo, então depois de ver o primeiro, atualize a página pra ver o segundo.

"Atores": Capelo, K-2, Eu.
Câmera e Hoster: Teegh.



Alinhar ao centro


sábado, 5 de dezembro de 2009

Física

Pois é, fiquei de recuperação de Física.

Na minha escola, a recuperação funciona assim: você vai na escola no horário normal, das matérias que você pegou recuperação. Se você não tem uma aula antes do intervalo, você pode chegar na escola na hora do intervalo; do mesmo jeito, se você não tem aula depois do intervalo, você pode ir embora na hora do intervalo. E nos dias em que você não tem aula, você não precisa ir.

Bom, eu tenho Física de segunda à quarta-feira, sendo que só na terça é no primeiro período (antes do intervalo), então eu tive muito tempo pra estudar nas aulas que não eram de Física, e ainda de quinta e sexta de manhã, antes de ir pro escritório.

E, estudando assim eu percebi que a matéria é realmente fácil. Eu só precisava prestar mais atenção e praticar mais.

Conclusão final: Se eu não tivesse aula, minhas notas seriam melhores.

Jenial.

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Este é o Urso,

Uma das maiores maravilhas do Mundo Animal.
Esse vídeo, gravado pelo K-2, abre a série "Este é o Mundo Animal", que a gente vem fazendo meio que satirizando documentários animais e talz, sempre com antíteses e paradoxos (seja lá o que isso for). Enfim, eu demorei tipo meses pra começar a postar essa série, mas vou tentar adiantar um pouco mais esses vídeos.


quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Água de Coco

Não sei como as pessoas conseguem gostar de água de coco.

Quer dizer, eu tinha uma bexiga.

Era uma bexiga supermegaultra resistente. Ela não estourava por mais que eu assoprasse.

E ficava sempre beeeem grande.

Daí eu pasava hoooras brincando com ela. Ela podia ser um balão ou um supervilão, o que a imaginação mandasse.

Mas, enfim, soprando ela todo dia, eu acabei acumulando saliva nela.

E, em certo dia, tinha MUITA saliva.

fui tentar encher a bexiga e senti o gosto de saliva-guardada-no-látex.

É igualzinho a água de coco.

É.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Natal?

*Falando com o Drex no telefone*

Drex: Então, agora você digita a chave de ativação, olha na print que eu te passei.

Qjn: Ok. Putz cara, preciso cagar.

Drex: É mesmo... o Natal ja tá chegando...

/euri

Processo Pipocal

Trio Genin (eu, K-2, Capelo) na casa do Pato fazendo pipoca.
Diálogos interessantes, por sinal.
Claro que não dá pra ver nada, mas os diálogos são interessantes. Ou não. Bem.
Tomara que você tenha lido isso e isso.


Shounen Heart Entrances

Entradas dos personagens em Shounen Heart, decidi colar aqui enquanto meu perfil não é suprimido.

Rinks entrance:

"Entre fantasias e devaneios,
Penso em tudo e não penso em nada
Apenas me distraio com os meus anseios
Caminhando pelas ruas, nessa noite gelada."


Trevor entrance:
"Eu sei que o tempo não mente.
Mas olho para o meu passado, e só vejo um escuro.
Apesar disso, sigo construindo meu presente.
Afinal, não posso ver o futuro."


Roks entrance:
"Eu me peguei conversando com as folhas a cair:
E se, por acaso, eu devesse partir?
Talvez eu devesse esperar um momento.
Talvez eu devesse escutar melhor esse vento."


Tush entrance:
Não custa nada tentar
Levar a vida sobrepujando os tormentos.
Apenas aproveite cada momento,
Tornando cada dia, um dia sem par.


[letrasmiudas]As entradas dos meus personagens correspondem somente aos meus personagens e não necessariamente à minha pessoa, fikdik[/letrasmiudas]

PS: Acho que eu repeti desnecessáriamente a palavra MOMENTO, mas, quem liga?

Alquimia no Bar

Vídeo tosco feito na falta-do-que-fazer tomando coca com ketchup num bar.

não lembro direito quem tava, mas tanto faz porque não aparece ninguém direito no vídeo.




domingo, 1 de novembro de 2009

Ninjedi

É. Imagina, um ninja.

Um ninja de filme mesmo, daqueles que parecem que não tem limitações físicas.

Um ninja, com sua roupa preta, rosto escondido, capaz de invadir a mais protegida fortaleza, capaz de dar saltos sobre-humanos, especialista em armadilhas, hábil com venenos, conhecedor de truques que abalam seus inimigos mentalmente, assassino silencioso, cuspidor de bolas de fogo (por que não?), utilizados de katanas e/ou ninja-tos e shurikens e kunais e outros aparatos afins.

Agora, imagina um Jedi.

Com seu robe beje, sabre de luz, habilidade de poder usar A Força e manipular as coisas com ela; capacidades pra lutar no espaço, conhecer de computadores, naves e robôs, enfrentar aliens and stuff, ganhar próteses mecânicas (às vezes), por aí vai.

Agora, imagina o ninja de novo.

Agora (...) imagina que ele virou um Jedi.

Mas não um Jedizinho qualquer, sim um Jedi forte, num nível de Anakin ou Luke por exemplo.

AÍ SIM IA SER APELÃO.

O ninja, já com suas habilidades marciais, ainda mais com os poderes dA Força?

Ia ser um Ninjedi.

Agora, imagina o cara dando pulos-ninja-anti-gravitacionais, sacando sua Katana-de-Luz e conduzindo suas Shurikens com o poder da Força.

Yeah.

Só pra comentar que eu vi 3 caras vestidos de Star Wars na praça outro dia sem motivo aparente e esqueci de perguntar o porquê. ''/

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Supimpa,

A primeira vez que eu ouvi essa palavra, era a minha avó elogiando a própria sopa.





Era de feijão.





E tava supimpa mesmo.





É.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Semana Difícil...

Gente, estou tendo uma semana difícil. *eco, eco*.

Seguinte, essa semana começou com horário de verão (o que provavelmente nao tem nada a ver, mas é um fato) e eu resolvi que ia tentar dormir um pouco mais tarde todos os dias.

Motivos? um: testar meus limites :D e dois: tentar acostumar meu cospo a dormir menos. Eu não descanso só com oito horas de sono, eu descanso realmente com dez horas de sono, e duas horas antes de dormir fazem bastante diferença pra alguém que só chega em casa às sete da noite

Enfim, minha escola estava em 'férias' por causa dum evento esportivo sem a menor importância que estava usando ela como alojamento. Nossas aulas voltaram essa segunda-feira; eu, já colocando o plano em ação, fui dormir à uma da manhã na noite anterior. Por increça que parível, fui dormir três horas mais tarde do que o que eu durmo normalmente (dez horas) e quatro horas mais tarde do meu sono ideal (que seria às oito), e acordei muito mais disposto do que se tivesse dormido em qualquer um dos dois horários!

"Esse treco vai dar certo", eu pensei.
"Acontece que você acordou disposto porque seu corpo não tinha ainda entrado em estado de relaxamento", o K-2 avisou, "se continuar dormindo tarde uma hora seu corpo cansa de vez e você capota."

Bom, eu peguei o conselho, mas eu ia dormir só "um pouco" tarde e era só essa semana. Não ia dar errado.

AH NÃO???

Segunda fui dormir praticamente à uma da manhã também, porém acordei na terça com o cansaso que eu devia ter sentido na segunda. "Pronto, já comecei a me ferrar!" pensei.
Mas até a´tudo bem, estava só um pouco atrás do meu ritmo normal. Isso se conserta com café e bala. Mas e daí?

Tínhamos um trabalho de espanhol sobre o Che Gevara pra apresentar em sala de aula, na quarta-feira. O problema é que, terça a noite a gente ainda só tinha uns 40% do trabalho @_@
E la vai a gente semivirar a noite. O Capelo ajudou até as onze, que é o tempo limite dele (depois o computador desliga ou algo assim), mas o Fernando e eu ficamos nessa até as três da manhã, preparando o DVD, slides, video, e terminando o 'roteiro'.

Depois de terminado o trabalho, eu tirei um cochilo (literalmente) até as cinco e meia da manhã, porque eu precisava tomar banho (eu ia tomar depois que a gente terminasse o trabalho, mas eu nao esperava terminar tão tarde) >.<

Pra ir pra escola, duas doses de café e doces o dia inteiro (cafeína e açucar me despertam, ainda que eu fique tremendo que nem um dependente em abstinência), pro trabalho, bala e guaraná direto.

Com sorte meu pai me liberou mais cedo pra casa, mas mesmo assim só consegui dormir às nove da noite (é, eu pretendia deitar às oito). Foi então que eu percebi: meu nariz estava entupido.
Oh gosh.
Nariz entupido significa respirar pela boca; e dormir de boca aberta significa passar sede a noite toda. Eu tenho uma garrafa de água do lado da minha cama, mas ela tava no finalzinho, e do jeito que eu tava eu simplesmente NÃO CONSEGUIA levantar pra encher.

Bom, passei a noite forçando fungadas e funcionou. Só tive que acordar lá pela uma da manhã pra assoar o nariz. O problma foi que, depois que eu me deitei de novo, o celular despertou às seis horas como se eu não tivesse descansado NADA. NADA, eu acordei tão cansado quanto antes! O pior de tudo é que no meio desse NADA eu tive pelo menos DOIS sonhos, e me lembro dos momentos finais de cada um deles.

Aliás, o que me lembra: o estado letárgico tem mexido muito com a minha cabeça: ando meio paranóico, pensando em teorias conspiratórias, frases aleatórias, chando que tudo possa ser "sinais"...mas também tenho tido idéias a mil pra escrever e desenhar (o que, pelo que parece, não tem dado tempo ¬¬)...
Além de que, todos os sonhos que eu tive essa semana parecem de algum jeito querer me dizer alguma coisa. Em três dos três sonhos que eu me lembro (sim, três dos três) eu me lembro de ter reconhecido nítidamente quatro rostos (além do meu). Ou, talvez isso seja parte das paranóias.

Bom, vou torcer pra que essa semana acabe bem.
FDS tá chegando e a gente planejando \o\
Bubye =9

*quejinho tá atrasado pro inglês, shit*

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

"Muito Obrigada"

Outro dia como outro qualquer no serviço.

Eu estava lá, fazendo alguma coisa não muito interessante enquanto não me davam algo pra fazer. Rabiscando, contando moedas, seilá o que agora.

Eis que, surge uma senhora na porta do escritório.

Senhora de idade, com seus 60 e poucos anos. Cabelos brancos, acima do peso. E manca.
Não sei exatamente porque isso me tocou, mas ela estava mancando.

Antes mesmo de entrar, ela perguntou:

"Vocês aqui fazem declaração do imposto de renda?"
"Não senhora, nós trabalhamos com documentação de veículos. Imposto de renda é no escritório de contabilidade, no fim da rua."
"Muito obrigada!"

Muito obrigada.

"Muito obrigada", ela disse.

Sim, e daí? eu ouço "Muito obrigadas" o dia todo, todos os dias.

Mas, não sei. Esse foi diferente. Foi, seilá, mais doce.
Eu senti como se isso tivesse saído do fundo da alma dela...

"Muito obrigada".

O agradecimento mais doce que eu já ouvi.

Ainda não esqueci o tom de voz da senhora.

De algum jeito, me comoveu.

Foi o tipo de coisa que eu gostaria de sentir todo dia... o tipo de coisa que te faz sentir que vale a pena.

Ainda não entendi bem como me tocou... mas tocou.

"Muito obrigada"...



segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Jutsus da Nuvem

Eu não costumo muito postar coisas assim, mas esse assunto eu achei realmente interessante e uma super-sacada do Kishimoto nos Jutsus da Vila da Nuvem (Kumo) em Naruto.
O que acontece é que, em alguns jutsus da vila, aparece um trocadilho: o nome do jutsu, em japonês, é pronunciado como outra coisa em inglês, ainda assim fazendo sentido nas duas línguas.

Quer ver?

Nome em inglês: Lariat
Significado em inglês: Laço (movimento de luta livre)
Nome em japonês: 雷犂熱刀 -
Rariatto
Significado em japonês: Lâmina Elétrica do Calor Penetrante
Quem usa: Killer Bee (Jinchuriki do Oito Caudas)

Nome em inglês: Headbutt
Significado em inglês: Cabeçada
Nome em japonês:
頭八刀 - Heddo Batto
Significado em japonês: Oitava Espada do Crânio
Quem usa: Killer Bee (Jinchuriki do Oito Caudas)

Nome em inglês: Elbow
Significado em inglês: Ombro (ou Ombrada)
Nome em japonês: 重流暴 -
Erubou
Significado em japonês: Investida Pesada (ou algo assim)
Quem usa: Raikage


Nome em inglês: Gillotine Drop
Significado em inglês: Queda de Guilhotina
Nome em japonês: 義雷沈怒雷斧 -
Girochin Doroppu
Significado em japonês: Machado Elétrico Descendente do Relâmpago da Justiça (ou algo assim, é difícil traduzir essas coisas!)
Quem usa: Raikage

Nome em inglês: Liger Bomb
Significado em inglês: Bomba do Ligre (ligre é a cruza entre leão e tigre)
Nome em japonês: 雷我爆弾-
Raigaa Bomu
Significado em japonês: Auto-bombardeiro Elétrico
Quem usa: Raikage

Nome em inglês: Storm Release: Laser Circus
Significado em inglês: Liberação da Tempestade: Circo Laser
Nome em japonês: 嵐遁・励挫鎖苛素 -
Ranton: Reizaa Saakasu
Significado em japonês: Liberação da Tempestade: Corrente Destruidora Encorajadora do Princípio do Tormento (ou por aí)
Quem usa: Darui (guarda-costas do Raikage)

Legal hein? Eu curti litros :D

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

I Miss the Last Bus (x6)

Hoje, sem sombra de dúvida, foi um dia muito FFFFUUUUUUU pra mim ¬¬

Dá pra acreditar que eu não perdi nem um, nem dois, nem mesmo três, mas SEIS ÔNIBUS???

SEEEEEIS ÔNIBUS!!!

Claro que eu tô exagerando, dois desses ônibus eu nem sequer perdi :D mas ajuda a dar ênfase pra história.

Enfim, o evento decorreu assim:

Primeiro Ônibus: Santa Maria
O Santa Maria é um ônibus que passa logo na frente da escola, e vai pro centro da cidade, onde eu trabalho. Eu às vezes perco ele de propósito, porque ele enche muito (devido ser o primeiro ônibus) e porque faz muitas voltas, demorando pra chegar ao destino. O próximo ônibus faz praticamente o mesmo caminho, só que mais rápido, chega cinco minutos depois no mesmo destino e não enche porque todo mundo foi no anterior. Então eu pego ele que eu ganho mais.
Enfim, o primeiro ônibus eu perdi de propósito. Mas tenho certeza que se eu tivesse pego ele não teria me frustrado tanto hoje...

Segundo Ônibus: Oswaldo Cruz (aka Oswald Kross)
O ônibus Oswaldo Cruz é o segundo que eu citei no parágrafo acima. Com todas suas qualidades superiores ao Saint Mary, eu o esperei. E até que foi rápido! Olha ele ali! Eu fiz o sinal pro ônibus parar (mesmo sendo desnecessário porque ali é o ponto final), ele parou. Então quem estava dentro do ônibus desembarcou. Quando eu ia entrar, feliz e sorridente, o motorista simplesmente fez um 'não' com o indicador e foi embora.
...
Ainda não entendi o porquê, eu quis supor que ele tinha algum plano de itinerário ou seilá mas não consigo deixar de ter CERTEZA de que ele foi simplesmente sacana comigo (pra não dizer algo pior.)

Terceiro Ônibus: Terminal Sacomã
O Terminal Sacomã é o terceiro ônibus que passa em frente a escola e vai pro centro. Porém, ele é de uma linha diferente dos dois anteriores, portanto nele eu não posso usar minha carteirinha de estudante, além de ser mais caro (R$ 2,75, contra os R$ 2,30 dos outros).
Bom, como eu estava já dois ônibus atrasado, resolvi pegar esse mesmo.
Fiz o sinal pro ônibus para e...
Esse não fez nem questão de dizer 'não', simplesmente me ignorou e passou direto.
FFFFFFFFFFFFUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!!
Depois disso eu desisti e resolvi tentar outro ponto de ônibus. Não pode ser, esse ponto deve estar zicado...

Quarto Ônibus: Barcelona Circular
Fiz quase todo o caminho da escola até em casa a pé, pra pegar um dos ônibus que passam por ali. Duas ruas 'acima' da minha, há um ponto de ônibus na frente de uma loja de eletrodomésticos usados ('eletrodomésticos usados', tem de tudo nessa cidade, exceto um shopping decente e uma camiseta listrada em vermelho e preto). Eu não costumo usar esse ponto, mas já peguei um ônibus lá com a minha mãe portanto, estava certo de que logo haveria um ônibus pra me levar pro centro.
Logo quando eu estava chegando nesse ponto, já cansado da subida com minha mochilona de sei-lá-quantos-quilos, eu vi que tinha um ônibus parado lá: O Barcelona - Circular. Tentei correr, com a minha mochila nas mãos (mesmo que ainda nas costas), mas quando consegui atravessar a rua o ônibus partiu.
Ah, mas acho que esse ônibus nem ia pro centro mesmo!

Quinto Ônibus: Nova Gerty (VIPE)
Esperando no ponto de ônibus, chegou o próximo: Um Nova Gerty da Viação Padre Eustáquio (a mesma linha que eu posso usar a carteirinha). Quase aplaudi, porque o Nova Gerty, eu SEI (porque já andei nele muitas vezes), VAI pro centro. Será?
Entrei no ônibus, todo feliz e sorridente. Na hora que eu ia pagar, o cobrador, que deve ter reparado no meu uniforme escolar, disse:
"Tem certeza que é esse?
Eu: "Vocês vão pro centro, não é?"
Ele: "Não. Nós estamos fazendo o caminho de volta. Você devia ter pego um Barcelona."
¬_______________________¬'
Ok, saí do nova Gerty e resolvi esperar o próximo Barcelona, é o jeito.

Sexto Ônibus: Nova Gerty (EMTU)
Esperando no mesmo ponto, chegou outro ônibus Nova Gerty. A diferença é que esse era um EMTU (daqueles um pouco mais caros), então eu supus que talvez ele estivesse fazendo um caminho diferente do VIPE anterior. Bom, dessa vez eu perguntei pro motorista antes de entrar (ao menos esses abrem a porta!~)
"Vocês passam no centro?"
"Não, nesse ponto só o Barcelona."
...

Depois desse, eu desisti de vez desses ônibus; fui pra um outro ponto, um pouco mais longe desse mas igualmente perto da minha casa (já que o anterior era duas ruas acima, digamos que esse é duas ruas abaixo) que é onde eu sempre pego ônibus quando saio de casa pro trabalho, e não da escola.
Ok, cinco minutos, ônibus chega, eu pego ele, pra coroar saio precipitadamente dois pontos antes do que poderia (peguei uma linha que eu não conheço direito~) e chego no escritório atrasado cinco minutos depois do horário de almoço.

Afinal, fiquei sem almoçar, ainda bem que o chefe liberou um lanche lá pelas quatro da tarde :D

Moral da história: Pegue sempre o primeiro ônibus possível. E nunca fique sozinho num ponto de ônibus, porque uma pessoa só não pode criar rebeliões nem destruir o transporte público (-q)

Ainda, depois disso, fui no banco.

Dos dez caixas automáticos, seis estavam em manutenção, dois estavam sob atualizações, e dos outros dois um não funcionava a impresora e o outro tava com o bagulho-que-puxa-os-depósitos quebrado!!!
E o preferencial tava com uma fila DESSE TAMANHO, que eu podia ter pego logo no começo se não tivesse experimentado os outros dois quebrados sem nenhuma sinalização!!!

Só pra não dizer que o dia foi completamente ruim, eu recebi hoje! xD

domingo, 27 de setembro de 2009

Fail da Árvore

Uma bela quinta-feira, eu estava saindo de casa, às 8h40 da noite, em cima da hora pro curso de inglês (como sempre), quando eu reparei:

"Nossa, nunca tinha visto na minha própria rua que essa árvore é tão alta. E nao é só isso, como está de noite, tem aquele poste de luz aceso, que ilumina a árvore dando um contraste muito bonito, fora o fato de ser útil para algumas câmeras como a do meu celular, que não é boa com luminosidade fraca. Pena que eu nao posso tirar a foto agora porque eu estou atrasado e tenho que correr."

Então fui correndo pra aula. Foi uma aula chata como sempre, mas isso não vem ao caso. Só o que interessa é que eu saí um pouco mais cedo.

"Nossa, ainda bem que eu saí do inglês um pouco mais cedo do que o normal. eu tive tempo de voltar pra minha rua antes que desse o horário em que os postes se apagam, e agora eu posso tirar a foto daquela paisagem tão peculiar que me agradou antes da minha partida."

Resultado:


O poste se apagou no momento em que eu bati a foto.






A Grande Guerra de Mauá




Vídeo: A Grande Guerra de Mauá
Tudo feito pelo Max :D

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Depoimento de Lucas

Ontem, a tia-do-banco-que-nem-é-tão-tia Jéssica não pode ir ao banco porque estava fazendo teste pra carteira de motorista blablabla, então, como de costume, foi um cara do backup (um substituto malandro) chamado Lucas. Car abem da hora, boa pinta e... roqueiro. Pronto, já rolou uma afinidade xD

Numa das nossas poucas duas-conversas ele disse alguma coisa mais ou menos assim, que eu resolvi registrar porque... sim.

"Cara, isso que é da hora em rock. Quem curte rock pensa! Tipo, pega um cara do punk-rock, até o cadarço da bota do cara tem um significado. Pega agora um pagodeiro, o cara não faz nada, não pensa em nada, não tem opinião..."

Com preconceito musical oks? E sem vergonha porque realmente a música no Brasil tem sido muito depreciada atualmente. E eu concordo com tudo o que o Lucas disse: Rock'n'roll não se trata de 'barulho'. Se trata de atitude e pensamentos escritos. É uma música inteligente. Logo, que curte rock acaba seguindo a cultura, e reflete. Simplesmente reflete. O contrário também é verdade: muitas pessoas que pensam curtem rock. E quem curte rock, pensa.

Pense.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Como Fazer um Desktop Pega-Trouxa

Esses dias eu estava varzeando por aí e juntando na minha cabeça algumas informações informáticas pensei nessa sacada xD
Basicamente, é uma pegadinha pra pessoas que não sabem usar 'bem' o computador, e usam o mesmo usuário que você (que nem aqui em casa).

O que acontece?
Bem, o efeito é de que o mouse parece não querer clicar por conta própria em nada da área de trabalho.
O tutorial foi feito em Windows e para Windows. Se dá certo em outros sistemas operacionais eu seilá já que nunca usei nenhum outro.

Comofas?
Bem, na verdade é um processo muito simples. Vamos por partes:

01. Replicando
A primeira parte da artimanha é tirar uma ScreenShot (ou print) da sua área de trabalho.
Então, minimize todos os seus programas (não é necessário fechá-los) e tire uma print da sua área de trabalho, utilizando a tecla PrintScreen do seu teclado.

02. Salvando
Abra o Paint e cole a réplica de sua área de trabalho. Salve em qualquer lugar com qualquer nome (de preferência escondido e com um nome pouco suspeito, diferentemente da ilustração) em formato BMP ou PNG (JPG pode estragar o truque porque 'esfumaça' a imagem)


03. Aplicando
Clique na sua área de trabalho (a original, não a réplica) com o botão direito do mouse. Abra a janela de propriedades, e selecione a réplica do Desktop feita anteriormente como wallpaper (plano de fundo)


Se tudo der certo, a barra de Iniciar do fundo vai ficar sob a barra de Iniciar verdadeira, ou seja, não haverá nenhum problema relacionado a relógio ou programas. Por outro lado, se você usa uma barra que se auto-oculta, é melhor desativar essa função.

04. Ocultando
Assim que o seu plano de fundo for a réplica do seu desktop, você deve ocultar os ícones verdadeiros.
Clique com o botão direito no desktop, e no menu, aponte para "Organizar Ícones". Então, desmarque a opção "Mostrar ícones na área de trabalho"


Pronto, quando alguém clicar na área de trabalho verá o mouse se transformando num sinal de "proibido".

05. Sacaneando
Deixe o computador assim até alguém querer utilizá-lo.
Então, ria da cara de pânico/surpresa da sua vítima! HOHOHOHOHOHOHO!!!

Para desfazer a pegadinha, basta fazer a mesma coisa só que ao contrário. Ou seja: Ativar os ícones e mudar o wallpaper. Simples não? :D

Ah é: lembre-se de desativar a barra de 'desktop' da barra iniciar, caso você use ela (ignore que eu esqueci de tirar a minha)...

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Eu gosto de escovar o cabelo com a mão esquerda,


Mas a escova é destra D:

Barulho Sobrenatural

Mais um vídeo tosco de uma de nossas desventuras sobrenaturais :D




Filmado em meados de Fevereiro (no Carnaval 2009, em que a gente obviamente não estava comemorando o Carnaval)

Capelo, DEPOIMENTO!

Três Lugares Fixos

Outro meio de organização importante que eu utilizo muito é o dos três lugares fixos.
É um método importante para você não perder as suas coisas.


É simples: você atribui a cada objeto que você usa frequentemente três lugares fixos para quando você não estiver o utilizando. Assim, se você não estiver o utilizando e precisar dele, ele estará em um dos três lugares.
Essa técnica é bem útil para não se perder coisas perdíveis, como seus óculos ou suas chaves.

Por exemplo, supomos que você use óculos e esteja indo tomar um banho. Depois do banho você obviamente está sem óculos, portanto, sua visão está limitada. Mas você sabe que seus óculos devem estar, por exemplo:
a) Na pia do banheiro
b) Em baixo do seu monitor
c) Na sua mesa de cabeceira

E pronto. Seus óculos vão estar lá, e quando você precisar os terá imediatamente à mão.

Mesmo porque, se o objeto não estiver num dos três lugares, ele explode e você morre.

Sim, tem que pensar de modo drástico, porque se você não achar um objeto importante você pode estragar TODOS OS SEUS PLANOS REFERENTES A ELE. Voltando ao exemplo dos óculos, você pode ficar um dia inteiro enxergando tudo embaçado. Ou, pode não encontrar um documento ou sua caneta vermelha ou qualquer coisa. O pior é que, como você vai morrer e a coisa explodir, quem mais precisar da coisa não vai encontrá-la, morrendo logo em seguida, gerando consequentemente um hecatombe nuclear carnificíneo de mortes inocentes.

Por isso, tenha lugares fixos para suas coisas.

O ponto colateral da técnica é que você vai virar um fanático por organização e se a coisa não estiver em um dos três lugares fixos (por meio da intervenção de alguém que não usa a técnica, não respeita privacidade ou simplesmente quer te sacanear) você encontrará ela com muito mais dificuldade e poderá se atrasar para compromissos e tudo. Por isso, tome cuidado: seja prático porém flexível.

*Methods of Organization by Marcelo's Corporation Enterprises and the Escambau*

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Verticalização

O conceito de VERTICALIZAÇÃO, do inglês verticalization, do espanhol verticalización, do seilaoquês verticalizakyws,consiste em organizar sua bagunça de modo que tudo fique na posição vertical. Horizontal também pode. O que não pode ter são coisas em ordem diagonal e/ou aleatória, salvo excessões imutáveis (móveis etc).

Os proveitos da Verticalização da bagunça são múltiplos, incluindo os fatos que:

a) Quem ver a sua bagunça não vai vê-la como uma bagunça, e sim como "um monte de trecos bem organizados".
b) Verticalizando a bagunça você toma conhecimento DO QUÊ se encontra na bagunça.
c) Fica mais fácil achar as coisas na bagunça, devido à aparente organização e motivos citados no item b)
d) Como não fica parecendo uma bagunça nem pra você, você se sente mais confortável por não ter que exercer atividades no meio de uma zona.

A técnica pode ser aplicada nos mais diversos ambientes e meios: seu quarto, sua cozinha, o ambiente de trabalho, sua bagunça na mesa, etc.

Por exemplo, olha a mesa bagunçada do meu avô:



Agora, compare com a mesma mesa em que foi aplicada a verticalização:



Viu só? A bagunça é a mesma, porém está organizada, deixando o ambiente de trabalho mais agradável e propício à concentração.

O único ponto negativo é que você pode ficar neurótico com o esquema, querendo verticalizar toda a bagunça que você vê pela frente. Que nem eu. Apenas tente se policiar, nesse caso.

*Quejinho escreveu e verticalizou o monitor*

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Twitter

Recentemente parece que todo mundo está fazendo seus Twitters.

Bom, eu me recuso veementemente (se é que isso existe) a fazer um.

Mas, por que?

Bom, primeiro, o conceito de Twitter: é tipo um site-diário, em que você anota em no máximo 120 caracteres ações que você está fazendo ou pretende fazer. Mais do que isso eu não sei e nem quero saber.

Pela simples descrição, acho que já deu pra sacar porque eu não tenho um né?
Eu acho que, em essência, o Twitter é uma ferramenta que deveria ser de uso nerd, mas acabou se tornando uma modinha nojentas que pessoas utilizam para aumentarem sua popularidade ou simplesmente se auto-afirmar.

Quer ver só?

Exemplos de uso 'bom' do Twitter:

Um nerd está fazendo uma experiência com códigos de informática. Conforme vai fazendo avanços, posta uma mensagem no Twitter registrando-os. Outros amigos nerds podem ler para aprender ou dar dicas sobre o código em questão que podem ajudá-lo.

Um jogador de tênis ou boccha ou qualquer outro esporte mais interessante que o futebol e que com certeza não será noticiado sai em competição. A cada partida ele tem um bom tempo de descanso antes da próxima. Nesse meio tempo ele coloca no Twitter informações sobre seu jogo anterior, para manter os amigos que moram longe informados. Se a rede for privada, pode-se discutir estratégias e afins.

Agora, como o Twitter é realmente é utilizado?

"Hoje vou tentar pegar aquela mina."

"Hoje tem balada, vou aproveitar que estou solteiro."

"Não tenho mais o que fazer hoje, beijos."

"Às vezes eu penso se eu deveria ou não utilizar mais mostarda ou mais ketchup."

Pronto, e mais uma vez uma ferramenta inteligente foi corrompida pelo uso das pessoas que não tem nada na cabeça.

Prefiro ficar com meu blog, é mais instrutivo. Ao menos pra mim.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

O Jogo

AVISO: Se você dá valor à sua sanidade, não leia.

Se você quer se arriscar, marque o texto em branco pra ler.

Este é O JOGO.

01. A partir do momento que você sabe da existência do jogo, você já está jogando.

02. Sempre que você se lembra do jogo, você perde. A sua derrota deve ser anunciada em voz alta (diga "perdi").

03. Você só ganha o jogo se você se esquecer dele por completo. Após uma derrota você têm 20 minutos para tentar se esquecer do jogo.

Pronto, caso você esteja participando do jogo, vai entender algumas piadas internas que seguirão em posts futuros.

Ou não.

Bjos.

*Quejinho escreveu o post e perdeu*


terça-feira, 1 de setembro de 2009

Azul vs Vermelho

HOHOHOHOHO XD

Descobri tardiamente que o Blogger tem um suporte próprio pra vídeos (sem ter que criar conta no YouTube etc), então, passarei a postar, além de textos idiotas sobre minha maneira de ver o mundo, alguns vídeos toscos e superproduções que a gente grava por aí às vezes.

Por favor notem que são todos gravados do meu celular, ou seja, a qualidade é péssima e o vídeo pode aparecer MUITO³ cheio de travadas, mas não podemos fazer nada. Não sei nem se tem opção de fullscreen ou high quality, mas se tiver NÃO use, dica ^^

O primeiro vídeo, também conhecido como "teste do esquema" se chama Azul versus Vermelho, e é uma batalha épica do bem contra o mal e seu cachorro das trevas.




Créditos:
Azul: K-2
Vermelho/Anarquista: Quejinho
Câmera: Capelo
Cachorro: Jerry (???)
Cenário: Parque Central, Santo André (SP)
Roteiro, figurino e criação dos personagens: improvisation

Origem do Milho

Outro dia, em conversa brisada com o K-2 e o capelo, eu cheguei à seguinte conclusão:

O Milho é originário do chifre do unicórnio.

Simples :D assim se explica:

A palavra unicórnio vem do latim UNUS (um) e CORNU (corno ou chifre). Em inglês unicórnio é unicorn, sendo que corno é HORN, ou seja, esse CORN na verdade trata-se de milho (corn), portanto UNICORN significa UM MILHO.

Então, a teoria mais plausível (?) até o momento sobre o fato é a seguinte:
No início dos tempos, quando dragões e unicórnios ainda vagavam sobre a Terra, os unicórnios receberam como missão dos *Deuses do Milho* presentear a humanidade que estaria por vir com o grande grão dourado e sagrado que utilizamos hoje.

Como isso? Bem, os unicórnios, ao morrerem de velhice, afundavam no solo, fazendo com que seu corpo se tornasse os nutrientes que a terra necessita para o cultivo de milho; a exceção era o chifre (lógico), que ficava pendente para fora da terra e se descascava, tornando-se uma espiga de milho.

Assim o UM CORNO se tornou o milho, pronto, cabou.

Alguma vez já me questionaram se não seria o contrário, o unicórnio ter surgido de um milho.

Bom, a resposta científica está na letra da música Californication, dos Red Hot Chili Peppers:

"First born unicorn..."

Pronto, o unicórnio nasceu primeiro, já era.

Como a letra da música faz tanto sentido quanto essa teoria, o processo é válido.

Já é!

*Quejinho escreveu e foi assoar o nariz porque está resfriado e não com gripe suina*

domingo, 30 de agosto de 2009

Day Jokes na Casa do Pato

*Capelo, K-2 e Quejinho passando FDS na casa do Pato*

-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-

Pato: "Cara, adoro refrigerante de três litros!"
Capelo: "Por que?"
Pato: "Cara... você toma um litro... e ainda sobra dois!"~

-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-~-

Pato: "Se eu ganhasse na mega-sena, eu ia fazer uma casa do tamanho de um quarteirão!"
K-2: "Eu ia comprar uma montanha inabitada... e..."
Qjn: "...não ia habitar ela!" :D
K-2: "É... e ia chamar ela de ***K-2***! ... MAS ISSO JÁ EXISTE.... shit..."


sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Névoa

*Acorda e percebe maior névoa pela janela*


Qjn: "Marina, comofas pra ter tanta névoa assim?"

Marina:
"Eu queria neve mas acabei me confundindo!"


Tá né... xD

(PS: Névoa é tr00 demais *-*)

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Sabe o que é Legal?

Quando alguém lava a privada.

Daí fica aquela espuminha.

E você mija e vai furando tudo xDDD

*Quejinho escreveu e foi mijar*

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Calçadas

Hoje numa daquelas brisadas de ônibus, comecei a comparar a vida à uma rua.

Claro que é a coisa mais clichê possível, mas eu cheguei a um ponto que realmente me fez pensar:

A nossa vida é como uma rua.
Os perigos se encontram no meio da rua.
Você aprende desde cedo a andar nas calçadas.
Você aprende porque as calçadas são seguras.
Nenhum perigo da rua, carro ou outro veículo, pode te atingir se você está na calçada.
É assim que você pensa, é assim que você cresce e é assim que você leva.
Até você perceber que não é bem assim.
As calçadas são caminhos seguros, mas não tão seguros quanto você aprendeu.
É proibido que os veículos invadam as calçadas, mas, cedo ou tarde, do jeito fácil ou do jeito difícil, você aprende que não é impossível que eles façam isso.
O jeito difícil é sempre mais doloroso. Você pode estar seguro na sua calçada e ser atingido por exemplo por um motorista bêbado.
Daí você aprende que nem sempre o que dizem ser certo ou seguro é realmente o tudo o que dizem ser.
E, depois disso, pode ser que você não adquira a mesma segurança de antes enquanto for andar numa calçada.
Você pode positivamente passar a ser mais cuidadoso. Ou pode negativamente ficar histérico quanto aos perigos.
Você pode tirar lições ou traumas do fato que ocorreu.
Ou você pode esquecer tudo e continuar fechado na sua crença de que a calçada é o lugar seguro.

AGORA MEDITEM E REFLITAM

*Quejinho largou de escrever e foi dormir*

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Espanhol

Professora: "Porque o espanhol da Espanha isso aquilo e aquele outro, mas na América Latina tal e tal e tal, porém na Argentina tem isso e aquilo, enquanto na Colômbia etc e tal."

(Percebam o quanto eu estava centrado)

Qjn: "Prefiro o espanhol da Espanha mesmo."
Capelo: "Por que?"
Qjn: "É mais britânico!" :D

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Nostalgia?

Não sei exatamente o porquê, mas esses dias eu ando muito nostálgico.

Nostalgia, pra que não sabe, é um tipo de saudades, um abatimento por coisas que não voltam.

Eu ando olhando muito pro meu passado, sentindo falta do que eu já vivi e tudo...

Ando ouvindo músicas do tipo (Photograph do Nickelback, tô ouvindo direto)

Pensando bem, talvez eu esteja assim por dois motivos: um deles, é realmente saudades de antes. Eu gosto de como eu vivo hoje em dia, mas com certeza preferia o passado... mas, voltar não dá, então eu fico só na lembrança.

O outro motivo, talvez meio 'indireto', é o fato de eu estar pensando direto no meu projeto novo, Shounen Heart. Como eu quero dar personalidades mais profundas aos personagens, eu estou montando o passado deles, e muitas vezes eu me pego vendo o meu próprio passado nos personagens... como foi, como era pra ser.
Como seria um passado bem legal.

É, talvez seja isso ou aquilo... enfim... o que acontece é que eu ando muito preso ao passado esses dias. E não é muito legal. Mas de qualquer jeito, não consigo me desprender, e vou levando.

Bom, então, talvez os próximos posts tenham influências nostalgicas minhas. ^_^

Bu'bye.

EDIT:
He, mudança de planos. De repente tenho muita idéia pra outros tipo de post (claro que já esqueci a metade desde que parei de anotar), os posts nostáligcos ficam mais pra frente.