terça-feira, 8 de junho de 2010

Problemas no Escritório

A maior coisa que eu aprendi trabalhando em um ano de escritório pode ser resumida na seguinte equação: escritório = problemas

Agora, a gente pega a equação e encontra o a, o b e o c para achar o delta e aplicar o bhaskara:
(as observações em itálico foram escritas pelo meu pai, rs)

Telefone
  1. Atender o telefone é sinônimo de abrir a porta para mais um problema. (A menos que seja um engano)
  2. Não atender o telefone também trás problemas (porque atrapalha o curso do serviço)
  3. Tirar o telefone do gancho pra não ter que atender (nem ter que ignorar) também é um problema, pois fazendo isso só se atrasa os problemas e deixa os clientes nervosos - o que é outro problema em si.
  4. Discar para alguém também é um problema, pois o destinatário da chamada lhe trará problemas que você não sabe resolver (mesmo que você realmente não precise responder/resolver tal problema)

Clientes

  1. Clientes são problemas, invariavelmente.
  2. São eles que trazem problemas pra você resolver
  3. Como se não fosse o bastante, tornam-se problemas eles mesmo porque ficam cobrando e enchendo.
  4. Um cliente satisfeito é um problema porque recomenda você para outros clientes, que por sua vez trarão mais problemas.
  5. Um cliente insatisfeito também é um problema pois vai queimar o seu filme. Filme queimado é um problema.
  6. Quando você acha que um cliente no balcão é o bastante, surgem outros três, cada um com seu problema. Ao terminar com o primeiro surge outro e depois outro, até que você atenda todos e se esqueça do que estava fazendo antes de começar o problema.
  7. Clientes só trazem problemas que você NÃO SABE RESOLVER quando a pessoa que sabe resolver não está.
  8. Clientes não acreditam que a pessoa que sabe resolver não está - nem que você não sabe resolver - e reclamam e cobram, gerando mais stress e problemas.
  9. Clientes não entendem que os funcionários em treinamento não sabem resolver todos os problemas.
  10. Pelo menos os clientes pagam pelos problemas. O que não indica que um problema tenha terminado.
  11. Clientes não se importam com a legislação ou com a resolução dos problemas. O importante é o funcionário ouvir atentamente a estória que eles contaram e concordam totalmente com o que eles dizem. - O que por sua vez é outro problema.

Dinheiro
  1. Dinheiro é a razão do trabalho, ou seja, dos problemas
  2. Receber um pagamento não é a solução de um problema: é parte da solução de um problema maior. O problema nesse problema é que as outras partes nunca chegam para resolver o problema, tornando o problema um problema pior.
  3. O cliente procura o seu seviço pensando em economia: o dinheiro trouxe um problema.
  4. Dinheiro nunca é suficiente, e quando é, é porque você esqueceu de pagar alguma coisa (o que mais tarde se torna um problema)
  5. Pagar alguma coisa nem sempre é sinônimo de solução de um problema. Às vezes significa parte de outro problema.
  6. Se voce receber pagamento antecipado, irá ser cobrado antes do prazo dado. Se você não pegar "dinheiro" antes da execução, terá que "fazer caixa" para concluir o mesmo e se demorar será questionado sobre sua competência.

Funcionários
  1. Funcionários supostamente servem para ajudar a resolver os problemas, mas em termos eles mesmo causam ou trazem problemas.
  2. Um funcionário que não tenha jogo de cintura é um problema pois não vai conseguir resolver o problema (ou enrolar o cliente)
  3. Um funcionário que tenha jogo de cintura também é um problema porque no fim das contas deixa os problemas na mão de quem resolva.
  4. Um funcionário que não saiba resolver determinado problema se torna um problema em si.
  5. Um funcionário que saiba resolver determinado problema estará ausente quando esse problema aparecer - o que causará problemas.
  6. O funcionário que saiba resolver todos os problemas e está sempre presente não existe.
  7. Funcionário "ponta esquerda" é aquele que fica longe e foge quando os problemas eclodem. Ao ser interpelado ele gera um novo problema ao dizer-: "Ninguem me chamou"...; "Não me pediram nada"...ou ao afirmar-: "voces me ignoram"...; "Nunca dão algum serviço importante para mim"...

Chefes
  1. Os chefes mandam no escritório, no dinheiro e nos funcionários, em suma, nos problemas.
  2. Os chefes distribuem a suposta resolução de problemas (o que é um problema pros funcionários)
  3. Por vezes os chefes tem que resolver problemas, o que gera mais problemas pois interrompe a solução de outros problemas, e aborrece os chefes, e um chefe aborrecido cria masi problemas.
  4. Chefes podem te demitir ou descontar seu salário, o que seria um graaande problema.
  5. Apesar de terem poder sobre o escritório, os chefes não garantem a solução dos problemas
  6. Ter mais de um chefe (sócios por exemplo) é problema...

Tempo
  1. Segundas-feiras atram problemas. Não, é sério.
  2. O tempo nunca é suficiente pra resolver todos os problemas.
  3. A falta de tempo é um problema.
  4. O excesso também pois significa que algo ficou para trás.
  5. Se houver excesso de tempo sem que um problema tenha sido deixado para trás o ritmo do serviço vai diminuir, o que posteriormente se torna um problema


2 comentários:

amanda disse...

pura verdade!
oaksoakosaokska

Biel disse...

Putz grilo, mano!

Problemas são um verdadeiro problema (o rly?)

Trabalhar definitivamente não é uma solução